O nome deste estudo é o subtítulo de “O Céu e o Inferno”. O quarto livro da Codificação foi seu tema central. Vadno Floriano admitiu, claro, a impossibilidade de percorrer a obra em toda sua riqueza em apenas uma hora. De toda forma, dedicou-se mais a instigar o interesse em estudá-la.

A conferência integrou a 24ª feira do livro do Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla. A instituição de Belo Horizonte promove o encontro anualmente, em novembro. Cada expositor convidado recebeu o encargo de tratar de um livro. E a organização não poderia deixar de contemplar uma obra básica.

“O Céu e o Inferno” tem duas partes. Na primeira, Allan Kardec estrutura conceitos. Mas, para isso, desconstrói dogmas cristãos arraigados na cultura ocidental. Entre elas, a noção punitivista da justiça divina. As condições estanques de condenação e salvação também são confrontadas. Assim como as instâncias clássicas de céu, inferno e purgatório.

Com questionamentos ao público, Vadno expõe alguns dos princípios do texto. A imortalidade do Espírito em permanente progressão moral é um novo prisma. Ele apresenta ainda a segunda parte, em que desencarnados relatam suas experiências transitórias.

Continuar lendo

Mais Episódios