As forças de atração estão na base da harmonia do universo. Esse constitui um assunto caro a Léon Denis. A frequência de vibração de cada Espírito é que ocasiona as associações e repulsões tão numerosas nas trajetórias individuais. Ela vai resultar também no desvelar das memórias de experiências passadas.

Mas, por que alguns vibram em faixas elevadas e outros em porções mais baixas? Essa é uma das questões levantadas por Marconi Gomes. O médico é um dos 27 autores de “Um novo olhar sobre ‘O Problema do ser, do destino e da dor’”. A coletânea, editada pela AME Brasil, revisitou a obra de Denis 100 anos depois, respeitando as mesmas temáticas e a mesma estrutura.

Em novembro de 2019, a Associação Médico-Espírita de Minas Gerais (Amemg) realizou este seminário, que reuniu alguns colaboradores do livro-tributo. Eles apresentaram seus capítulos e o processo de elaboração da nova publicação.

Para expor sua reflexão, Marconi lançou mão de um experimento da Física. Cada Espírito é como uma esfera pendida ligada a Deus por uma corda. Quanto maior a distância em relação à origem, menor a frequência do movimento pendular.

Mas como reduzir a distância em relação ao Criador? O expositor sugere que se aproveitem os nós da própria linha evolutiva para se realizar o esforço da subida.

Continuar lendo

Mais Episódios