SANTA JOANA

“Santa Joana” (Saint Joan) é inspirado na vida de Joana d’Arc. Trata-se de uma adaptação para o cinema feita pelo escritor Graham Greene da peça teatral de George Bernard Shaw. A direção do longa, de 1957, é de Otto Preminger. O filme tem distribuição da Versátil Vídeo Spirite.

As produções dedicadas à biografia da padroeira da França focalizam somente seu julgamento e martírio na fogueira. “Santa Joana” tem o diferencial de contar a história do início. Mostra como a jovem camponesa tornou-se líder do exército francês na Guerra dos Cem Anos contra a Inglaterra. A confiança em Deus e as vozes de santas e anjos que ouvia guiaram-na a esse destino. Foi o que impressionou os militares e o rei Carlos VII, cuja coroação deveu-se aos êxitos da jovem guerreira nos campos de batalha.

O interessante do filme, como da peça, é o ponto de partida da narrativa. Já idoso e após duas décadas de execução de Joana, o rei Carlos encontra-se com ela em um sonho. E toda essa história é contada em retrospectiva.

A santa é interpretada por Jean Seberg. Este foi o primeiro papel dramático da atriz, que tinha apenas 19 anos. Uma curiosidade é que Preminger a escolheu para o papel principal depois de realizar aproximadamente 18 mil audições.

Continuar lendo

Mais Episódios