Doutrina Espírita

A Doutrina espírita é uma doutrina religiosa e filosófica fortemente baseada nos ensinamentos de Jesus Cristo, nos seus Evangelhos e nos ensinamentos vindos do mundo dos espíritos. De base mediúnica, foi “codificada” tomando corpo de doutrina – pela universalidade dos ensinos dos espíritos, através do trabalho memorável do pedagogo francês Hippolyte Léon Denizard Rivail, conhecido por Allan Kardec.

Dados da Doutrina Espírita no Mundo

Segundo a Wikipedia, o Espiritismo, tem se expandido e, segundo dados do ano 2005, conta com cerca de 15 milhões de adeptos espalhados entre diversos países:
  • Portugal;
  • Espanha;
  • França;
  • Reino Unido;
  • Bélgica;
  • Estados Unidos;
  • Japão;
  • Alemanha;
  • Argentina;
  • Canadá;
  • Cuba;
  • Jamaica;
  • Brasil.

A Doutrina Espírita no Brasil

A Doutrina tem a maior quantidade de adeptos no mundo. No entanto, vale frisar que é difícil estipular a quantidade existente de espíritas, pois as principais estipulações sobre isso são baseadas em censos demográficos em que se é perguntado qual a religião dos cidadãos, porém nem todos os espíritas brasileiros interpretam o Espiritismo como religião.

As crenças doutrinárias do Espiritismo

Comunicabilidade dos espíritos

A comunicação entre os espíritos encarnados e os espíritos desencarnados se dá por meio da mediunidade. Essa comunicação é realizada com o auxílio de dos médiuns.

Pluralidade dos mundos habitados

Como nos é ensinado e é lógico pensar, a Terra não é o único planeta com vida inteligente no universo, sendo possível a reencarnação em outros planetas;

Fora caridade não há salvação

 “Nada traduz com mais exatidão o pensamento de Jesus, nada resume tão bem os deveres do homem, como essa máxima de ordem divina.” – Apóstolo Paulo. O topo moral do ensinamento Espírita é a caridade e título do capítulo XV de O Evangelho segundo o Espiritismo.

Lei de causa e efeito

O mecanismo de retribuição ética universal a todos os espíritos, segundo a qual nossa condição atual é resultado de nossos atos passados e nossos pensamentos, palavras e atos constroem diariamente nosso futuro (Quem semeia o bem, colhe o bem. Quem semeia o mal, colhe o mal).

Livre arbítrio

O homem tem livre-arbítrio nos seus atos? — Pois que tem a liberdade de pensar, tem a de agir. Sem o livre-arbítrio o homem seria uma máquina. Para a Doutrina Espírita não há destino, não há predestinação, não há sorte ou azar. Através de pensamentos e ações, o espírito escolhe todos os dias, a cada decisão, o seu futuro. O livre-arbítrio é característica indissociável do ser inteligente.

Obras básicas da Doutrina Espírita

A Doutrina Espírita e as Obras Básicas
As obras básicas expõem e consolidam os princípios e os elementos constitutivos da Doutrina Espírita, segundo o ensino dado pelos Espíritos superiores e codificado por Allan Kardec.